Alisamento Japonês – Receita Caseira

estrutura dos fios

Este é um artigo que foi muito pedido, até mesmo implorado por algumas de vocês e finalmente aqui está – um alisamento sem formol que funciona mesmo! Pois é meninas e meninos, eu cansei de procurar um alisador que fosse tão efetivo quanto o formol, experimentei com géis e silicones, mas os resultados deixaram a desejar. Eu nunca fui muito fã de guanidina ou soda cáustica, pois esses relaxamentos danificam muito os cabelos, mas em certos caso são realmente a única opção. Eu já cheguei a pensar que o tioglicolato caia na mesma categoria e que estragava demais os cabelos, mas aprendi com a minha mamãe querida, que é uma gênia dos cabelos, que se tomados os cuidados certos, o tiogligolato pode ser seguro e eficáz.

O alisamento japonês usa tioglicolato como agente alisador além de temperaturas altas que mudam a estrutura dos fios. Tioglicolato é a base das escovas inteligentes ou definitivas e muitas outras que levam nomes diferentes, como diamante, chocolate, maçã, etc. É tudo praticamente a mesma coisa.

Como os fios são alisados ou relaxados:

Cada fio de cabelo é formado por 3 partes principais: Cutícula, Cortex e Medula. O cortex é que dá o formato dos fios – liso, enrolado ou crespo. Os agentes relaxadores ou alisadores, como formol ou guanidina, levantam as cutículas e retiram a camada de sebo que as protegem, assim é possível chegar ao cortex e mudar sua estrutura, com químicos e calor.

Como Fazer o Alisamento Japonês

Ingredientes:

  • Shampoo de sua preferência, não precisa ser anti resíduo
  • 50ml de tioglicolato de amônia (ou mais se for muito cabelo)
  • 40ml de silicone, eu recomendo o da Natustrato
  • 10ml de queratina líquida ou em gel, eu recomedo Natustrato ou Minas Flor
  • 60ml de defrizante, eu recomendo Nicaza ou Keramax
  • 10ml de vitaminas A e E

Materiais Extras:

  • Luvas de silicone
  • Uma bacia de plástico
  • Um borrifador vazio e limpo
  • Um pincél largo médio
  • Um pente de dentes largos de madeira
  • Secador
  • Chapinha
  • Neutralizador

Procedimento:

1) Nos cabelos sem lavar borrife uma mistura de 4ml de queratina e 15ml de água da torneira.

2) Divida os cabelos em mechas, de 6 a 10.

3) Com o pincél passe o tioglicolato em cada mecha começando pela nuca. Continue até passar no cabelo todo.

4) Volte à área da nuca e aplique mais na raíz, pentei o cabelo todo com o pente de madeira para espalhar o produto.

5) Espere de 15 a 45 minutos, cheque a consistência do fio. Cabelos crespos precisam de mais tempo. Caso o coro cabeludo fique irritado ou comece a arder muito, lave os cabelos. É normal sentir coceira.

5) Lave os cabelos com shampoo. Não use condicionador.

6) Seque até 70%, deixando os cabelos húmidos. Penteie com o pente de madeira.

7)Misture as vitaminas, o restante da queratina (6ml), silicone, defrizante. Aplique essa mistura nos cabelos com o pincél, mecha por mecha.

8)Seque com o secador penteando com o pente (não use escova, pois ela retira o produto dos cabelos).

9) Passe a chapinha em seguida, de 12 a 15 vezes por mecha.

10) Lave após 2 horas com shampoo e condicionador e use neutralizador para selar as cutículas.

Se quiser secar os cabelos com o secador, use um bom protetor térmico. Invista também em um bom defrizante e use quando necessário.

Cabelos alisados ou relaxados precisam de muita hidratação, pois as cutículas perdem o sebo natural que as protegem e hidratam. Faça uma boa hidratação a cada 15 dias com abacate de creme de leite. Basta misturar os ingredientes e passar nos cabelos secos, coloque uma toca térmica ou enrole a cabeça com plástico filme, deixe agir por 45 minutos, lave normalmente.

Cabelos Tingidos, com Mechas ou Luzes e com Henna

Esse alisamento pode ser feito na maioria dos cabelos tingidos, com mechas ou com luzes ecabelos tratados com henna. É seguro pois a queratina usada antes do tioglicolato protege os fios. Mas tome as seguintes precauções:

  • Não deixe o tioglicolato agir por muito tempo (não mais de 25 minutos)
  • Não faça o alisamento caso tenha descolorido os cabelos (ou mechas) com água oxigenada volume 40. O alisamento japonês é seguro para quem descoloriu com água oxigenada volume 20 ou 25.
  • Não faça o alisamento se seu cabelo for platinado.

O processo é demorado e trabalhoso, por isso salões cobram caro. O alisamento japonês é permanente, nunca mais seu cabelo será como antes, a não ser que corte e espere crescer. É necessário retocar a raíz assim que seu cabelo cresce, por isso faça novamente o procedimento somente na parte que cresceu a cada 4 meses.

Há riscos em fazer esses procedimentos em casa, eu não me responsabilizo por danos você possa causar em seus cabelos, estou apenas dividindo meu conhecimento, por favor assumam seus próprios riscos e só faça o alisamento se for maior de idade ou com o conceitimento de seus pais. Há componentes químicos fortes envolvidos na fórmula, tome cuidado. Isso não é um tratamento, seus cabelos irão inevitavelmente ficar mais secos e com frizz e irão requerer mais cuidados após o alisamento japonês.

O alisamento japonês é similar à escova inteligente e à escova definitiva.

Ficar com cabelos lisos não é fácil, minha recomendação é sempre amar os cabelos que tem e aprender outras maneiras de deixá-los bonitos.

 


 

 

 

author avatar

Maquiadora e cabeleireira nas horas vagas, blogueira e professora de inglês. Adoro o estilo dos anos 60, músicas dos Beatles, Xbox 360, política de esquerda e filmes de terror.